As aldeias das leitoras (IX) : Reboredo

José Antonio Couselo García, vizinho de Reboredo (Santaia de Gorgulhos), pedia que falássemos deste topónimo que também nomeia outros lugares nas freguesias de Galegos, Ordes, Vitre e Xanceda. O seu, o de Gorgulhos, é destacável polo folklore associado à mámoa de Reboredo, cuja origem foi atribuída aos árabes e mesmo aos índios!1 Em todos estes … Continue lendo As aldeias das leitoras (IX) : Reboredo

Anúncios

A roda toponímica

para Adrián, Sandra e Nuria “La ría de Vigo se estrecha muchísimo al entrar en la hermosa, espaciosa y redonda concha de mar de Redondela, que tomó el nombre de esa redonda bahía”1. Com esta singeleza e expressividade o Padre Sarmiento deu conta do topónimo Redondela, irmao do nosso Redondelo de Queijas, lugar cujas casas … Continue lendo A roda toponímica

A República Socialista de Vila Maior

O topónimo da freguesia de Vila Maior explica-se por si só e, como se poderia aguardar, é mui comum em toda a lusofonia, da comarca de Ordes ao distrito de Viseu. Restaria apenas examinar a documentaçom medieval e comprovar se, em efeito, o tamanho real da freguesia fazia justiça ao topónimo. Num documento algo tardio … Continue lendo A República Socialista de Vila Maior

Apelidos LINHARES e LINHEIRA(s): Os tecidos da comunidade

As abundantes terras para o cultivo do linho (Linum usitatissimum) deixárom umha grande impronta toponímica na comarca de Ordes e, por conseguinte, nos seus apelidos, sendo Linhares o oitavo mais frequente do concelho de Cerzeda. Devem ser essas Linhares descendentes das vizinhas da aldeia de Gesteda chamada igual, e que tem a sua irmá toponímica … Continue lendo Apelidos LINHARES e LINHEIRA(s): Os tecidos da comunidade