O apelido PALMEIRO

Como é natural, nesta Terra do Norte nom temos topónimos referidos a umha árvore como a palma, que exige climas mais mornos e secos, tendo que baixar até à outra ponta da Península, no Algarve, para encontrar em Faro a localidade dos Palmeiros –resto toponímico, talvez, dumha plantaçom árabe. Tendo isto em conta, o apelido … Continue lendo O apelido PALMEIRO

Anúncios

Contramaquieiros

para Xoán Carlos, Helena e Patricia O Nomenclátor só cita na comarca de Ordes o topónimo a Maquia que dá nome a umha aldeia de Vila Maior, mas também há outros lugares ou casas que se chamam assim nas freguesias de Buscás, Leira ou Mercurim. As maquias eram os estabelecimentos aos que se levava o … Continue lendo Contramaquieiros

Sempre em Loureda

Os meus bisavôs, diante da casa de Loureda, co meu avô, o Vinculeiro, na esquerda, e tios e primos

ao meu avô, o Vinculeiro de Loureda Sempre se insiste no caráter atlántico do ecossistema galego, quando tradicionalmente os geógrafos, do anarquista Elisée Reclus ao próprio Otero Pedrayo, venhem insistindo em que o que carateriza à Galiza é, mais bem, a sua situaçom de ponte entre o mundo atlántico e o mediterráneo, que se aprecia … Continue lendo Sempre em Loureda

As aldeias das leitoras (VIII): Fossado

“Para chegar ao fossado e servir-mi corpo loado, e vam-se as frores d’aqui bem com meus amores!” Paio Gomes Charinho Pediam Javier Quintela Pena e Ani Pampín Martínez  tratar de Fossado, aldeia de Santa Cruz de Montaos que tem estaçom de trem. Se o topónimo nom se refere a um terreno caraterizado por um fojo … Continue lendo As aldeias das leitoras (VIII): Fossado

A importáncia da força do focinho

Aldeia de Ramil, em Barbeiros, Ordes

Na mitologia germánica e nórdica Freyr (ou Fro), junto com a sua irmá Freya, eram os deuses da fertilidade, razom pola qual ele era representado nas estátuas com um enorme pénis ereto. Freyr, aliás, acostumava deslocar-se num carro movido por dous singulares animais de tiro aos que se acha associado: os porcos bravos Slidrugtanni e … Continue lendo A importáncia da força do focinho

De caçadores caçados e ursos regicidas

Aldeia de Bermui, em Bascói, Messia

Apenas há rasto toponímico do urso na Terra de Ordes, nom sendo, quiçá, umha Pena da Usa –elevaçom de 482 m. entre a freguesia de Vila de Abade e o concelho do Val do Dubra[1]- e, de maneira indireta, no lugar de Bermui, em Bascói. E é que este último topónimo deve proceder dumha (villa) … Continue lendo De caçadores caçados e ursos regicidas